quinta-feira, 29 de julho de 2010

O CONFERP quer saber a sua opinião

Caros Colegas,

O prazo para responder a Consulta aos Profissionais está acabando.

Sua opinião é fundamental para o futuro de nossa profissão.

Abraços,

Maria Amelia
Conrerp RS/SC 2091




O CONFERP quer saber a sua opinião

Está aberta, a partir de hoje, a Consulta aos Profissionais de Relações Públicas.

É isso mesmo, a diretoria do Sistema CONFERP quer saber o que você pensa e espera do sistema e como ele deve atuar no mercado diante do contexto atual.

Sua contribuição é fundamental para iniciarmos, juntos, uma nova fase para Relações Públicas, mais adequada à realidade do mercado e que venha fortalecer sua presença em todos os setores de atuação.

Com essa iniciativa, esperamos que você não precise mais perguntar o que o CONFERP faz, porque chegou o momento de você dizer o que o Sistema CONFERP deve fazer pela categoria e por nossa profissão.

Você é responsável pelos desígnios da profissão que escolheu e abraçou.

Acesse o hot-site e conheça todas as razões que levaram a diretoria do CONFERP a tomar essa decisão.

Nossa expectativa é que todos os profissionais habilitados, registrados ou não, se manifestem, colocando suas opiniões e sugestões.

A consulta aos profissionais vai até 30 de julho de 2010.

Participe.

http://conferp.org.br/consulta/

Diretoria CONFERP

Marcadores:

domingo, 25 de julho de 2010

ATELIER MARILIA CRUZ LANÇA SEU SITE

Marcadores:

quarta-feira, 21 de julho de 2010

IMOBILAR CONQUISTA TROFÉU BRONZE - PRÊMIO QUALIDADE RS PGQP

Marcadores:

sábado, 17 de julho de 2010

Currículo do curso de Relações Públicas será revisado e terá novas diretrizes

O Ministério da Educação divulgou nesta sexta-feira, 16, a revisão curricular do curso de relações públicas (RP). A Secretaria de Educação Superior (Sesu) do Ministério da Educação já constituiu uma comissão de especialistas, presidida por Margarida Maria Krohling Kunsch, professora do curso de comunicação organizacional da Universidade de São Paulo (Usp). A revisão vai definir diretrizes mais específicas para o curso de RP, que atualmente conta apenas com aquelas estabelecidas para o de comunicação social.




O objetivo é atualizar o perfil da formação do profissional da área.



A comissão terá o prazo de 150 dias para elaborar uma proposta a ser encaminhada ao Conselho Nacional de Educação (CNE), órgão responsável por aprovar as diretrizes curriculares das graduações no Brasil. O grupo também vai realizar uma consulta pública pela internet, para receber contribuições de segmentos interessados: acadêmicos, profissionais do setor e sociedade civil. Após a consulta, serão realizadas audiências públicas abertas à participação de entidades representativas da área.



Consulta pública - Serão recebidas sugestões sobre três questões: o perfil desejável do profissional de relações públicas diante das transformações políticas, culturais, sociais e tecnológicas contemporâneas; as competências a serem adquiridas na formação superior; e os mecanismos e instrumentos de formação acadêmica do profissional.



As sugestões poderão ser encaminhadas por mensagem eletrônica até o dia 15 de setembro deste ano - acesse aqui a consulta, através do site do Mec. A comissão que vai revisar o curso foi constituída pela portaria 595/2010, em 24 de maio.



Membros - Além da presidente, a comissão é composta pelos seguintes professores especialistas: Cláudia Peixoto de Moura, Ésnel José Fagundes, Márcio Simeone Henriques, Maria Aparecida Viviane Ferraz, Paulo Roberto Nassar de Oliveira e Ricardo Ferreira Freitas.



Margarida Kunsch é professora titular da Usp. É livre-docente em teorias e processos de comunicação institucional, doutora e mestre em ciências da comunicação pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (Eca-Usp). Presidente da Comissão de Pós-Graduação e coordenadora do curso de pós-graduação lato sensu de gestão estratégica em comunicação organizacional e relações públicas da Eca-Usp.



Histórico - A revisão das diretrizes curriculares dos cursos de graduação foi iniciada em 2009, com o curso de jornalismo. A proposta apresentada pela comissão presidida pelo professor José Marques de Mello foi encaminhada pela Sesu ao CNE e atualmente se encontra em processo de avaliação pelo órgão. As informações são do Portal do Mec. Helenice Carvalho, Dra em Comunicação Professora Adjunta da Fabico/Ufrgs

Fonte: A Tarde On Line - 16/07/2010 às 14:45

Marcadores: